Início
PISO 0
Núcleo 01
Núcleo 02
Núcleo 03
Núcleo 04
Núcleo 05
Núcleo 06
Núcleo 07
PISO 1
Núcleo 08
Núcleo 09

Clique na imagem para ampliar.

Núcleo 09

Sala do Tribunal - Da Guerra Colonial ao 25 de Abril de 1974

Em 1961 eclodiu a Guerra Colonial, iniciando-se em Angola e depois estendendo-se à Guiné (em 1963) e a Moçambique (em 1964), transformando profundamente o País. Surgiriam então novos protagonistas da acção política oposicionista: o movimento estudantil, o catolicismo progressista, a esquerda maoísta, organizações de luta armada (LUAR, ARA, BR), a Intersindical. Os socialistas reorganizaram-se na ASP e, depois, no PS. O PCP reorganiza-se. Quase todos convergiriam nos Congressos Republicanos de Aveiro (1957, 1969, 1973). A substituição de Oliveira Salazar por Marcelo Caetano (1968) e a efémera Primavera marcelista não alteraram substancialmente o impulso da luta pela democracia. A falta de solução política para a guerra não deixaria saída para a ditadura. Militares e armas voltam à arena política: eles vão pôr fim à ditadura.